Tag: Ferroviário

Ferroviário

Ferroviário Atlético Clube

Próximos Jogos

DataMandantexVisitanteLigaRodada

Resultados

DataMandantexVisitanteLigaRodada
Cearense - Primeira Fase01
Cearense - Primeira Fase02
Copa do Nordeste - Grupo B01
Cearense - Primeira Fase03
Cearense - Primeira Fase04
Cearense - Primeira Fase05
Copa do Nordeste - Grupo B02
Cearense - Primeira Fase06
Copa do Brasil - Primeira Fase01
Cearense - Primeira Fase07
Copa do Brasil - Segunda Fase01
Cearense - Primeira Fase08
Copa do Nordeste - Grupo B03
Cearense - Primeira Fase09
Copa do Brasil - Terceira Fase01
Cearense - Segunda Fase02
Cearense - Segunda Fase03
Copa do Nordeste - Grupo B04
Cearense - Segunda Fase04
Copa do Brasil - Terceira Fase02
Cearense - Segunda Fase01
Copa do Nordeste - Grupo B05
Cearense - Segunda Fase05
Copa do Nordeste - Grupo B06
Copa do Brasil - Quarta Fase01
Copa do Brasil - Quarta Fase02
Brasileirão - Série D - Primeira Fase01
Brasileirão - Série D - Primeira Fase02
Brasileirão - Série D - Primeira Fase03
Brasileirão - Série D - Primeira Fase04
Brasileirão - Série D - Primeira Fase05
Brasileirão - Série D - Primeira Fase06
Brasileirão - Série D - Segunda Fase01
Brasileirão - Série D - Segunda Fase02
Brasileirão - Série D - Oitavas01
Brasileirão - Série D - Oitavas02
Brasileirão - Série D - Quartas01
Brasileirão - Série D - Quartas02
Brasileirão - Série D - Semifinal01
Brasileirão - Série D - Semifinal02
Brasileirão Série D - Final01
Brasileirão Série D - Final02
Taça Fares Lopes - Primeira Fase01
Taça Fares Lopes - Primeira Fase02
Taça Fares Lopes - Primeira Fase03
Taça Fares Lopes - Primeira Fase04
Taça Fares Lopes - Primeira Fase05
Taça Fares Lopes - Primeira Fase06
Taça Fares Lopes - Primeira Fase07

Ferroviário cai para a Série B Cearense

O Ferroviário dependia apenas de uma vitória para permanecer na Primeira Divisão do Estadual. Porém, em partida tensa, o Tubarão da Barra foi derrotado por 1 a 0 pelo Quixadá e está rebaixado para a Série B do Campeonato Cearense.

Iarley veio para o Ferroviário em 2014 como grande esperança.
Iarley veio para o Ferroviário em 2014 como grande esperança.

As duas equipes vieram a campo mostrando que queriam fugir do rebaixamento. Aos dois minutos, o Ferroviário teve a primeira boa chance numa cobrança de falta pela esquerda. Na batida, entretanto, Éverton bateu muito forte e a bola passou muito alta. Aos oito, o Quixinha ameaçou com Janeudo, que recebeu um lançamento na entrada da área e bateu de primeira, mas a bola bateu na quina direita do gol de Fernando Jr.

O Quixadá teve uma boa chance aos 30 depois de um bate rebate dentro da área, mas a zaga coral conseguiu salvar. Aos 32, Bruno Ocara ganhou a bola na intermediária e chutou forte ameaçando, e Fernando Junior teve de se esforçar para garantir a defesa.

Aos 35, Tony Belém, de perna esquerda, abriu o placar para o time da casa depois de uma jogada triangulada dentro da área. Aos 43, Júnior Carvalho quase marca para o Ferrão depois de se livrar da zaga, mas o chute foi defendido por Rafael.

No segunto tempo, o Ferroviário voltou determinado a mudar o placar. Logo no primeiro minuto, Lecão chutou à queima roupa dentro da área, mas Rafael conseguiu salvar com o pé esquerdo.

Com a derrota que o deixava no rebaixamento, o Ferrão adiantou o time e partiu para o tudo ou nada. O Quixadá, entretanto, permaneceu com o controle da partida e manteve o resultado.

Veja Tabela Completa e Classificação da Primeira Fase do Cearense 2014

Fonte: O POVO

Guarani-J vence Ferroviário e assume vice-liderança

O Campeonato Cearense teve três jogos ontem pela 9ª rodada do torneio. O Ferroviário foi derrotado pelo Guarani de Juazeiro por 1 a 0, no Romeirão, em Juazeiro do Norte, e caiu para a 6ª posição com oito pontos. O time caririense é vice-líder do Estadual com 15 pontos.

A campanha ruim do ferroviário preocupa a toda a família coral
A campanha ruim do ferroviário preocupa a toda a família coral

O Ferroviário mais uma vez não teve uma apresentação que convencesse o torcedor. No 1º tempo, os donos da casa marcaram logo aos 5 minutos. Willian carioca fez 1 a 0 para o Guarani de Juazeiro.

O próximo adversário do Ferroviário será o Crato, no estádio Mirandão, amanhã, às 20h20min. O time coral ainda fará um terceiro jogo seguido na Região do Cariri, sábado, diante do Icasa, no Romeirão. Já o Guarani faz o clássico do Cariri, amanhã, frente ao Icasa, no Romeirão.

veja Tabela e Classificação

Icasa vence Ferroviário no Castelão e sai da lanterna

O Ferroviário saiu na frente, mas tomou a virada e foi derrotado por 2 a 1 pelo Icasa, nesta quinta-feira (16), na Arena Castelão. Foi a primeira vitória do Verdão do Cariri no estadual.

O Tubarão da Barra abriu o marcador aos oito minutos do primeiro tempo. O veterano Iarley fez boa jogada e cruzou para Élson Obina, de cabeça, encobrir o goleiro Dionnantan.

Precisando reagir na competição, o Icasa cresceu na partida, teve um gol anulado e conseguiu o empate no final da etapa inicial. Aos 47, Obina cometeu pênalti. O atacante Bismark cobrou bem e deixou tudo igual.

Logo no início do segundo tempo, mais precisamente aos seis minutos, Foguinho, que já defendeu o Ferroviário, deixou o dele e virou o marcador a favor do Verdão do Cariri.

Na base do desespero, o Ferroviário partiu para cima do adversário, buscando o empate, mas sem sucesso.

Outros resultados

Tiradentes 3×1 Quixadá

Itapipoca 1×1 Horizonte

Fonte: Tribuna do Ceará

Fortaleza goleia Ferroviário, Marcelinho Paraíba marca

A torcida do tricolor festejou na Arena Castelão, neste domingo (12), a terceira vitória seguida do Fortaleza no Campeonato Cearense. O time do Pici goleou o Ferroviário por 4×0 primeiro Clássico das Cores do ano com dois gols de Edinho, um de Tiago Cametá e outro de Marcelinho Paraíba no segundo tempo e se firma na primeira colocação da tabela com nove pontos. Agora, o Leão se prepara para receber o Icasa, nesta terça-feira (14), mesmo dia em que o Ferrão, quarto colocado com três pontos, enfrenta o Tiradentes.

Atletas do Fortaleza comemoram mais um gol tricolor
Atletas do Fortaleza comemoram mais um gol tricolor

Começo de jogo pegado, com as duas equipes tendo dificuldade em se distanciar do meio de campo. Na primeira chegada do Ferroviário à área, aos cinco minutos, Vagno Pereira arriscou de fora da área, no rebote do goleiro Luís Henrique, e a bola passou com perigo à esquerda do gol. O Ferão manteve o domínio dos dez primeiros minutos, com maior posse de bola, enquanto o Fortaleza tinha maior dificuldade em completar as jogadas.

Aos 16 minutos, Waldison protagonizou o momento que mais conquistou a torcida até então, em contra-ataque iniciado por Edinho, mas a arbitragem marcou impedimento do atacante. Tiago Cametá, em jogada individual, sofreu falta quase na meia lua aos 21. Na cobrança, porém, a bola ficou na barreira. Nem Tubarão, nem Leão, conseguiam criar chances claras durante a primeira metade do primeiro tempo.

FERRÃO TENTA REAGIR

O time da Barra até tentava elaborar as jogadas pela direita, mas parecia complicado encontrar Iarley ou outro jogador que tivesse sucesso na finalização. Enquanto isso, o Fortaleza melhorou no decorrer do primeiro tempo e tentava se aproveitar das jogadas de velocidade, mas tinha a mesma dificuldade de achar o gol. Em cobrança de falta da iintermediária aos 31 minutos, Eduardo Luiz chutou forte rasteiro, e a bola desviou na barreira. Aos 34, Edinho chegou com perigo à área, buscando Tiago Cametá, mas a zaga coral afastou.

Aos 38, Edinho tentou organizar jogada dentro da área num lance de grande perigo, mas foi desarmado. Waldison chegou para tentar pegar a sobra, caiu e pediu pênalti, mas o árbitro Cleuton Lima viu lance normal. Logo depois, aos 41, Walfrido recebeu cruzamento de Adalberto na área e arriscou de cabeça, mas a bola passou muito alta.

Na volta do intervalo o Fortaleza veio com mais fôlego, e o Ferroviário teve dificuldade de se encontrar. Aos três, Edinho marcou um golaço de dentro da área depois de jogada pela direita de Tiago Cametá. O meia bateu de primeira de perna direita, e deixou o goleiro Fernando Junior sem reação. Aos cinco, Edinho novamente, em cobrança de falta, fez lançamento para a pequena área, e Luís Gustavo desviou, mas a bola passou raspando a trave esquerda. Aos nove, Robert se atreveu numa bicicleta dentro da área, mas o goleiro coral estava bem posicionado e encaixou a bola.

Aos 11, Iarley chegou com perigo na boca do gol, mas o chute parou no goleiro tricolor. Já aos 18 minutos, Edinho mudou novamente o placar na Arena Castelão. O meia driblou dois, e lançou a bola para Robert, que dividiu a bola com Fernando Júnior. Na sobra, Edinho veio com velocidade e, sem goleiro, empurrou a bola para a rede. Dois minutos depois de estrear com a camisa tricolor, Marcelinho Paraíba, aos 24, lançou uma bomba da esquerda, e fez o goleiro coral se esticar para fazer a defesa.

Aos 30, Waldison chutou rasteiro para o canto esquerdo, mas a bola foi desviada para escanteio. Aos 32, Edinho foi derrubado dentro da área por Mota e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Waldison chutou forte a meia altura à direita de Fernando Júnior, que conseguiu fazer a defesa. Aos 42, a zaga do Fortaleza ficou plantada pedindo impedimento de Leilson, que teve boa chance de diminuir o placar na cara do gol, mas pegou mal na bola e isolou. Aos 43, Tiago Cametá, de perna direita, marcou mais um depois de receber a bola de Walfrido, que lançou da esquerda. Walfrido, aos 46, deu mais um gol, agora para o estreante Marcelinho Paraíba, que não desperdiçou bateu cruzado de perna direita para encerrar as esperanças do Ferroviário no clássico.

FICHA TÉCNICA
Fortaleza 4×0 Ferroviário
LOCAL: Arena Castelão
HORÁRIO: 12 de janeiro de 2014, às 17 horas
ÁRBITRO: Cleuton Lima
ASSISTENTES: Marcos Brígido e Nailton Oliveira
GOLS: Edinho (3′ 2T e 18′ 2T), Tiago Cametá (43′ 2T), Marcelinho Paraíba (46′ 2T)
CARTÕES AMARELOS: Waldison, Luiz Gustavo, Tiago Cametá, Mota, Iarley

FERROVIÁRIO: Fernando Júnior; Mota, Júnior Carvalho, Regineudo e Éverton; Vagno Pereira, Aron (Leilson), Iarley e Jack Chan; Rafael (Obina) e Igor Eloy (Flamel). TÉCNICO: Washington Luiz

FORTALEZA: Luis Henrique; Tiago Cametá, Eduardo Luiz, Luis Gustavo e Adalberto; Guto, Walfrido, Evandro (Marcelinho Paraíba) e Edinho (Leandro); Robert e Waldison (Romarinho). TÉCNICO: Marcelo Chamusca

Fonte: O POVO